Procurando por pessoas REAIS!

Hoje cheguei a uma conclusão (antes tarde do que nunca) a internet esta me entristecendo.

Todos vivemos em busca de  fotos e posts impecáveis, looks fashionistas, cabelo perfeito, o estilo da temporada, o destino de viagem mais procurado… Eu ainda tento me convencer que não sou tão influenciada pela moda, ainda tento ser fiel a minha essência, usando só aquilo que me faz feliz, mas só isso não esta sendo o suficiente.

Vejo um mundo passando por um milhão de transformações ao mesmo tempo e pessoas perdidas no meio desse caos, sem saber qual lado seguir e porque seguir!

Então, ao invés de ser aquela que segue sua vida na linha, fashionista flawless, decidi redirecionar meu barco e me arriscar um pouco mais, talvez seja essa a mudança que os 30 nos trás, uma REVISÃO DE PRIORIDADES! 

Eu sei que nada muda de um dia pra outro, mas acredito que quando reconhecemos que podemos ser/fazer mais, os caminhos se abrem e as coisas começam a acontecer. 

Passei três meses morando em outra cidade e ainda mantendo um closet no meu apartamento em Changsha, hoje termino de enviar minhas coisas de volta pra lá, três meses, três caixas de 34 quilos! Conseguem imaginar? Era temporário, mais da metade das minhas coisas eu nem trouxe, ficaram intactas em casa, me senti sufocada. Isso não quer dizer que vou jogar tudo pra alto e aderir ao “armário capsula” Please no! Não consigo ser tão desapegada assim, eu amo as minhas coisas, mas quero tentar viver,  ser, manter e compartilhar uma vida mais leve! E isso também significa comer melhor, beber melhor, ser um ser humano melhor.

Ignorei esse caos por muito tempo, vivendo na minha zona de conforto, agora é hora de realmente fazer alguma coisa a respeito, prefiro acreditar em um mundo de pessoas boas onde meus filhos poderão viver rodeados de exemplos inspiradores e não hipócritas, que algum dia eles sejam picados por abelhas e acordem ao som de araras azuis sobrevoando a varanda 🙂

“You may say I am a dreamer, but I am not the only one.”

Let’s do it!

Today I came to a conclusion (sooner than later) the internet is making me sad.

We all live in search of impeccable photos and posts, fashionistas looks, perfect hair, the trends of the season, the most visited travel destination … I still try to convince myself that I’m not so influenced by fashion, yet I try to be true to my essence, using only what makes me happy, but only this is not enough.

I see a world going through a million transformations at the same time and people lost in the middle of this chaos, not knowing which side to follow and why to follow!

So, instead of being the one who follows her life on the line, flawless fashionista, I decided to redirect my boat and take a little more risk, maybe that’s the change that the 30’s bring to us, a REVIEW OF PRIORITIES!

I know that nothing changes from one day to another, but I believe that when we recognize that we can be / do more the ways open and things begin to happen.

I spent three months living in another city and still keeping a closet in my apartment in Changsha, today I finish sending my things back there, three months, three boxes of 34 kilos! Can you imagine? It was temporary, more than half of my things I did not even bring, they stayed intact at home, I felt suffocated. This is not to say that I will throw everything up and adhere to the “smart closet”, PLEASE NO I can not be so detached, I love my stuff, but I want to try to live, to be, to keep and to share a lighter life! And that also means eating better, drinking better, being a better human being.

I ignored this chaos for a long time, living in my comfort zone, now is the time to really do something about it, I prefer to believe in a world of good people where my children can live surrounded by inspiring and not hypocritical examples that someday they will be bitten by bees and wake up to the sound of  hyacinth macaws flying over the porch 🙂

“You can say I am a dreamer, but I am not the only one.”

Let’s do it!

Beijos & Be Colorful!

Deixe uma resposta